STML - Desde 1977 a lutar pelos trabalhadores
Entrada Comunicados
Mais de 300 mil trabalhadores manifestaram-se no dia 29 de Maio de 2010 Versão para impressão Enviar por E-mail
Segunda, 31 Maio 2010 20:28

A contestação e a indignação de milhares de homens e mulheres caracterizou a jornada de luta nacional convocada pela CGTP-IN. A maior e mais participada manifestação dos úlltimos 25 anos foi um sinal inequivoco contra as políticas de direita do PS e do PSD.
Continuar...
 
EGEAC: Aumentos Salariais 2010 Versão para impressão Enviar por E-mail
Quarta, 26 Maio 2010 11:59
No seguimento dos Plenários de Trabalhadores realizados na EGEAC, foi decidido apresentar ao Concelho de Administração uma proposta de actualização salarial para 2010 de 3%, com o mínimo de 35€ (até ao nível 6/3).

A 23 de Abril p.p, o STML enviou ao CA um oficio solicitando uma reunião com vista ao inicio do processo de negociação de aumento salarial dos trabalhadores da EGEAC para 2010, no âmbito do seu Acordo de Empresa (AE).

Continuar...
 
Bombeiros: Reunião com o Vereador Versão para impressão Enviar por E-mail
Quarta, 26 Maio 2010 11:17

O STML reuniu no dia 18 de Maio de 2010 com o Vereador Manuel Brito, responsável pelo pelouro da Protecção Civil e Bombeiros, contando com a presença do Director de Recursos Humanos Professor Rui Pereira e do Comando do RSB. Estiveram também presentes diversos chefes na qualidade de observadores.

Da agenda de trabalhos desta reunião resultaram compromissos para alguns problemas que nos afectam, concretamente:

Continuar...
 
É tempo de dizer basta! Versão para impressão Enviar por E-mail
Segunda, 24 Maio 2010 18:44

É tempo de dizer basta!
É tempo de sair à rua!

 

banner_manif20100529Temos verificado nas últimas semanas a insistência do governo, agora com a ajuda inestimável do PSD e do seu novo líder, em aprofundar as medidas, já por si extremamente negativas, que constam no PEC e até, defendendo a antecipação da sua execução, já no decorrer do ano de 2010.

Falam insistentemente em aumentar os impostos e nomeadamente o IVA, esse imposto cego que ataca todos de forma igual, apesar de terem recusado liminarmente esta ideia no período eleitoral, (há apenas 8 meses atrás!), ou retirar=roubar, na totalidade ou em parte, o 13ª Mês dos trabalhadores da administração pública, como medidas necessárias e imprescindíveis ao combate à grave crise, económica e social, que hoje se vive em Portugal.

Com doses brutais de hipocrisia e demagogia, mentiras e falácias, exigem ao povo português e em especial aos trabalhadores, primeiro do sector público e depois, por inerência, aos do sector privado, que têm que ganhar menos e simultaneamente, pagar mais impostos, pagar mais de luz, de gás, de telefone, de renda de casa, de infantário, etc., etc.

 

Continuar...
 
<< Início < Anterior 171 172 173 174 175 176 177 178 179 180 Seguinte > Final >>

Pág. 172 de 182