STML - Desde 1977 a lutar pelos trabalhadores
Entrada Comunicados Comunicados 2016
Direitos e condições de trabalho no futuro imediato! - STML reúne com várias Direções Municipais da CML - Versão para impressão Enviar por E-mail
Quinta, 03 Novembro 2016 09:54

Capa reuniao com DMNa semana de 24 a 28 de Outubro, o STML reuniu com a Direção Municipal da Higiene Urbana (DMHU – Eng.º Victor Vieira), a Unidade de Coordenação Territorial (UCT – Dra. Helena Caria) e a Direção Municipal da Estrutura Verde, do Ambiente e Energia (DMEVAE – Eng.º Ângelo Mesquita).

Vários assuntos foram transversais nas três reuniões, nomeadamente sobre pessoal e identificação das respetivas carências, concursos de admissão, mobilidades, instalações e estado de conservação, novos equipamentos e prazos para a sua conclusão, ou aquisição de meios materiais, como viaturas e ferramentas.

Muitos outros temas foram abordados dos quais daremos conta oportunamente durante a ronda de plenários e visitas que o Sindicato irá realizar nos e pelos locais de trabalho da CML, no período de 8 a 17 de Novembro. Todavia, registamos neste momento com alguma preocupação a confirmação de muitos dos problemas para os quais o STML tem chamado a atenção ao longo dos últimos anos. Referimo-nos concretamente às consequências na capacidade de resposta dos serviços públicos municipais face ao que são as responsabilidades da autarquia de Lisboa perante a cidade e a sua população. Responsabilidades que também se estendem obviamente aos seus trabalhadores, junto dos quais lhes deve garantir condições de trabalho dignas, respeitando os seus direitos.

As incapacidades a que nos referimos, hoje consensual e publicamente aceites, foram construídas por sucessivos Executivos. Opções políticas que se refletem indesmentível e negativamente na limpeza da cidade ou na manutenção e gestão de jardins e espaços públicos.

Continuar...
 
Resumo da Reunião com o Governo em 21 de Outubro de 2016 Versão para impressão Enviar por E-mail
Quarta, 26 Outubro 2016 13:12

STML Sindicato dos Trabalhadores do Município de Lisboalogo frente comumA Frente Comum de Sindicatos da Administração Pública, que o STML integra, reuniu no passado dia 21 de Outubro de 2016, com o Governo.

A FCSAP afirmou não aceitar o articulado como contraproposta. O que exigiu do Governo foi uma contraproposta concreta às exigências da Proposta Reivindicativa Comum. Os trabalhadores da Administração Pública não aceitam a não actualização salarial, a continuidade do congelamento das posições remuneratórias e da progressão na carreira, a proibição de contratação de pessoal para a os serviços públicos quando, ao mesmo tempo, o governo continuam a privilegiar grandes grupos económicos com a dotação de milhares de euros em parcerias público privadas, com a previsão de milhares de euros para pagamento de juros da dívida, sempre em prejuízo dos trabalhadores, que nesta proposta de Orçamento do Estado não têm qualquer proposta de melhoria remuneratória.

 

Ler resumo aqui.

 
Aos trabalhadores da Junta de Freguesia de Arroios - Das reuniões com o Executivo da Junta Versão para impressão Enviar por E-mail
Terça, 18 Outubro 2016 08:48

stal 90x90STML Sindicato dos Trabalhadores do Município de Lisboa

Um dos problemas com que se confrontam os trabalhadores da Junta de Freguesia de Arroios é a precariedade.

O recurso abusivo a prestadores de serviços, vulgos recibos-verdes, para colmatar necessidades permanentes do serviço público pelo qual a Junta de Arroios é responsável, teve um acréscimo substancial após a transferência de competências da Câmara Municipal para as Juntas de Freguesia.

Foi com o conhecimento desta realidade que as estruturas sindicais da CGTP-IN – STML/STAL – iniciaram no passado mês de Agosto a Campanha contra a Precariedade na cidade de Lisboa. Onze freguesias foram alvo de denúncia, entre elas a Junta presidida por Margarida Martins. Através da colagem de cartazes e distribuição de comunicados à população e aos trabalhadores, procurou-se alertar e sensibilizar para um problema que se tem vindo a alastrar como um cancro na nossa cidade.

Continuar...
 
Aos trabalhadores da Junta de Freguesia de Santa Maria Maior Versão para impressão Enviar por E-mail
Segunda, 17 Outubro 2016 08:43

imagem capaNos últimos meses e como resultado dos plenários, visitas e contactos realizados com os trabalhadores de vários setores profissionais da Junta de Freguesia de Santa Maria Maior, foi possível concluir o respetivo Caderno Reivindicativo, apresentado pelo STML ao Executivo liderado pelo Presidente Miguel Coelho na reunião de dia 13 de Outubro. Damos agora conta dos principais assuntos debatidos.

Assim;

a. Ficou assumido por parte da Junta de Freguesia a abertura de um concurso de admissão para fiscais. Estando em equação no próximo ano a hipótese da realização de concurso púbico para admissão de pessoal nas áreas operacionais;

b. Foram abordadas as situações de precariedade, referindo e reforçando todos os problemas daí decorrentes;

c. Foi-nos informado que a Junta aguarda a intervenção já solicitada da EDP, no sentido de alterar a potência do quadro eléctrico do posto de limpeza localizado na Rua dos Sapateiros;

Continuar...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Pág. 5 de 21