STML - Desde 1977 a lutar pelos trabalhadores
Entrada Comunicados
Governo Propõe Redução de Efectivos nos Bombeiros Sapadores Versão para impressão Enviar por E-mail
Terça, 26 Outubro 2010 20:36

O STML contesta o Projecto de Diploma Sobre o Regime dos Quadros dos Corpos de Bombeiros Profissionais e a Dotação de Pessoal nos Quadros de Comando e Activo dos Corpos de Bombeiros Profissionais e Mistos Detidos e Mantidos na Dependência de um Município.

Este projecto peca essencialmente na redução dos efectivos agora existentes, pondo em risco a já débil segurança existente no Município de Lisboa, com uma intenção clara de contenção de despesa e pondo em risco a segurança dos munícipes e dos próprios bombeiros.

 

 
Bombeiros a Nivel Nacional Reunidos em Lisboa Obrigam Governo a Agendar Reunião Negocial Versão para impressão Enviar por E-mail
Terça, 26 Outubro 2010 19:37

Plenário Nacional de Bombeiros Reprova Projecto do Governo

 

Foto do PlenárioMais de 500 bombeiros juntaram-se dia 20 de Outubro no Terreiro do Paço, num plenário de esclarecimento e de protesto contra o projecto de regime de carreiras apresentado pelo Governo, onde aprovaram um calendário de luta, caso o governo não recue nas suas intenções para esta carreira, que passará por concentrações nos governos civis, recolha de assinaturas para um abaixo-assinado e um comunicado à população. Por outro lado foi feito um apelo para a participação na Manifestação Nacional do dia 6 de Novembro e para a Greve Geral promovida pela CGTP-IN para o dia 24 de Novembro.

Também foi aprovado por todos os bombeiros uma resolução que foi entregue na Secretaria de Estado da Administração Local, o qual nos informou que pretendia reunir e nesse mesmo dia, confirmou essa intenção para dia 4 de Novembro pelas 10 horas.

Posteriormente, a mesma resolução foi também entregue ao Sr. Vereador da protecção civil da CML no sentido de sensibilizar esta edilidade para o risco do prolongamento da idade da aposentação, entre outros riscos gravosos que constam da proposta do governo para a carreira destes profissionais, pondo-se em causa a segurança do Município, dos Munícipes e dos próprios Profissionais.

Posteriormente, a mesma resolução foi também entregue ao Sr. Vereador da protecção civil da CML no sentido de sensibilizar esta edilidade para o risco do prolongamento da idade da aposentação, entre outros riscos gravosos que constam da proposta do governo para a carreira destes profissionais, pondo-se em causa a segurança do Município dos Munícipes e dos próprios Profissionais.

 
Manifestação Nacional de 6 de Novembro de 2010 Versão para impressão Enviar por E-mail
Sexta, 22 Outubro 2010 18:37

Cartaz

6 DE NOVEMBRO - 14H30

CONCENTRAÇÃO: Rua Braancamp (Marquês de Pombal)

 

 

Confrontados que estamos com mais uma ofensiva de extrema gravidade aos nossos salários, aos nossos direitos e inclusive, aos nossos postos de trabalho, face à apresentação de um novo plano de austeridade por parte do governo, não temos outro caminho que não seja o da luta.

Neste sentido, no próximo dia 6 de Novembro, devemos sair todos à rua e participar na MANIFESTAÇÃO NACIONAL DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA.

 

 

Frente ComumLutamos contra os sucessivos planos de austeridade do governo e da direita, PSD e CDS!

Lutamos contra as intenções do PS / António Costa em reduzir e extinguir serviços públicos municipais!

Lutamos pelo direito a um salário digno!

Lutamos pelos nossos direitos e pelos nossos postos de trabalho!

Lutamos contra a destruição dos serviços públicos!

 

 

VAMOS TODOS À MANIFESTAÇÃO NACIONAL DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA.
A LUTA CONTINUA!

 


 
A Venda do Departamento de Saneamento da CML Versão para impressão Enviar por E-mail
Quinta, 21 Outubro 2010 19:50

António Costa quer vender o Departamento de Saneamento à EPAL
com claros prejuízos para os trabalhadores, para a população e cidade de Lisboa

 

epalO presidente da autarquia de Lisboa revelou a 11 de Outubro do corrente ano, em vários órgãos de comunicação social, o negócio da venda de um dos departamentos mais importantes da CML à EPAL. Falamos, claro está, do Departamento de Saneamento.

É pertinente denunciar que, ao longo dos anos, em que se vem discutindo a passagem do saneamento para a EPAL (afirmações do presidente da autarquia à Lusa em 11.10.2010), só agora, o sindicato teve conhecimento deste negócio (a 12.10.2010)! Verificamos uma vez mais, a desvalorização da opinião e conhecimento dos trabalhadores e do STML acerca de uma matéria de extrema importância, quer para o futuro dos próprios trabalhadores, quer para os habitantes e cidade de Lisboa.

 

Porque afirmamos tratar-se de um dos departamentos mais importante da Câmara Municipal de Lisboa?

 

Continuar...
 
<< Início < Anterior 281 282 283 284 285 286 287 288 289 290 Seguinte > Final >>

Pág. 281 de 298